Excelente Post!!! Conheci esse mercado ha poucos dias e cara, mergulhei de cabeça, acordo, almoço e durmo lendo e aprendendo sobre esse mercado! Não sei em quanto tempo terei retorno, mas já estou tocando um projeto para trabalhar com Marketing de Afiliados e tornar essa uma das minhas profissões daqui pra frente. Estou conhecendo alguns sites de afiliados e indico esses abaixo sendo, na minha opinião, os melhores no mercado. Detalhe: O Google Adsense é o desejo de "consumo" dos Afiliados, é o master blaster! Mas este é bem criterioso, não tive aprovação imediata, vou refazer algumas coisas e solicitar reanálise, disseram que meu site tem pouco texto além de outros detalhes. Segue abaixo os sites que utilizo: www.zanox.com/br www.lomadee.com www.afiliados.com.br/ É isso, abraços!
O Marketing viral é também conhecido como palavra electrónico ou “word of mouse” o equivalente no digital ao word of mouth do marketing tradicional, é uma estratégia que permite propagar mensagens comerciais a um ritmo exponencial. Normalmente designada de comunicação comercial autopropagada. Um exemplo clássico de um caso de sucesso de viral marketing é o Hotmail. Um dos primeiros serviços gratuitos de web-mail que devido à simples frase que surgia em cada mensagem que cada utilizador enviava “Get your free and private e-mail at" nos primeiros seis meses após o seu lançamento atingiu um milhão de utilizadores e ao fim de um ano e meio 12 milhões de utilizadores, altura em que foi vendido à Microsoft por cerca de 400 milhões de dólares. A promoção do filme The Blair Witch Project é outro caso de sucesso de viral marketing, um filme com um orçamento extremamente reduzido que foi um dos filmes mais rentáveis e mais vistos de sempre, devido à divulgação online, sugerindo que o filme (de terror) era um documentário (retratando eventos reais) e à propagação exponencial dessa mensagem.
É importante considerar que as raízes do marketing digital são muito semelhantes ás do “Direct Mail Marketing”(Marketing Postal Direto) onde anúncios para diversos produtos eram colocados em jornais e revistas com o objetivo de vender esses mesmo produtos à distancia por encomenda direta. A imprensa tradicional perdeu muito interesse com o facto de que as campanhas digitais podem ser analisadas detalhadamente em termos de eficácia, o que é impossível com anúncios em jornais e revistas.[3]

Quando um número razoável de pessoas pretende abarcar um tema por um tempo considerável a partir da rede, utiliza a Comunidade Virtual, desenvolvendo desta forma, relações pessoais. Ao classificar a Comunidade Virtual deve-se ter o cuidado de distinguir o utilizador ou as organizações (vertical, horizontal ou geográficas, cujos temas são definidos de acordo com o objectivo e as áreas de trabalho da empresa).


Com tudo o que está descrito, muitas vezes as suas potencialidades não são totalmente aproveitadas, sobretudo quando estamos a falar na interacção com os consumidores. Assim, para as empresas isto torna-se claramente e cada vez mais num reboliço sem fim. Terão que se adaptar às exigências que lhes são pedidas pelos mais diversos meios envolventes, colmatando as falhas que possam existir e adequando preços ao mercado tornando-se assim mais competitiva. Para tal as empresas devem munir-se de ferramentas que as levem a identificarem-se e a distinguirem-se nesta selva que é o mercado atual.
Este tipo de marketing estratégico no fue muy tenido en cuenta durante muchos años, debido a que las acciones de publicidad online se concentraban en los sitios web de alto tráfico o aquellos sitios oficiales de medios masivos de comunicación como periódicos, estaciones de radio o canales de televisión. Con los años, en los departamentos de maketing de las empresas comenzaron a divisar que la publicación en plataformas de afiliación generaban mayores resultados con inversiones menores.
One way marketers can reach out to consumers, and understand their thought process is through what is called an empathy map. An empathy map is a four step process. The first step is through asking questions that the consumer would be thinking in their demographic. The second step is to describe the feelings that the consumer may be having. The third step is to think about what the consumer would say in their situation. The final step is to imagine what the consumer will try to do based on the other three steps. This map is so marketing teams can put themselves in their target demographics shoes.[69] Web Analytics are also a very important way to understand consumers. They show the habits that people have online for each website.[70] One particular form of these analytics is predictive analytics which helps marketers figure out what route consumers are on. This uses the information gathered from other analytics, and then creates different predictions of what people will do so that companies can strategize on what to do next, according to the peoples trends.[71]

"If I haven't told you already, your team of people are the Bomb! When I came to you I told you I was very reluctant about hiring a Search Engine Optimization firm because I was ripped off and sold a bunch of promises in the past-all of which failed. I honestly was still a skeptic until recently. We have gone from off the map for my two major keywords to the top twenty in 5 months so far. I have all the confidence that you can get me in the top ten! A special thanks goes to your optimization expert who has handled my demands for constant changes with such professionalism. I would highly recommend you to anyone who wants to be in the top of their field on the web. (Except any of my competitors !!!)" Randy W.
Os chamados infoprodutos, ou produtos digitais, são também uma excelente forma de trabalhar com marketing de afiliados. Existem várias plataformas que oferecem esse tipo de produtos e também muitos afiliados trabalhando na divulgação, recebendo comissões extremamente elevadas pelas vendas geradas. Este é um mercado que está crescendo imenso no Brasil.
In the 1990s, the term Digital Marketing was first coined,.[10] With the debut of server/client architecture and the popularity of personal computers, the Customer Relationship Management (CRM) applications became a significant part of marketing technology.[citation needed] Fierce competition forced vendors to include more service into their software, for example, marketing, sales and service applications. Marketers were also able to own huge online customer data by eCRM software after the Internet was born. Companies could update the data of customer needs and obtain the priorities of their experience. This led to the first clickable banner ad being going live in 1994, which was the "You Will" campaign by AT&T and over the first four months of it going live, 44% of all people who saw it clicked on the ad.[11]

No mercado de marketing de afiliados, existem diferentes modelos de comissão, que variam consoante o objetivo de marketing da empresa ou produtor. Ao contrário do que muitas vezes se pensa e fala, existem programas de afiliados não apenas para produtos físicos ou digitais, mas também para ações e contatos. Se o objetivo de marketing de uma empresa for gerar cadastros de potenciais interessados em comprar um produto, por exemplo, essa empresa pode lançar um programa de afiliados que paga um valor fixo para cada cadastro realizado. A empresa não estaria promovendo um produto, mas sim uma ação específica, que no caso seria o usuário preencher o formulário de cadastro.
×